1. 1

Louvor ao DEUS das misericórdias
Publicado em 2015-03-23

Compartilho para que sejamos edificados juntos: 

Recebe o sacrifício destas minhas confissões através de minha língua, que criaste e encorajaste, para que cante o seu nome; cura-me todos os ossos e faze que eles digam: “Senhor, quem é semelhante a ti”?

Quem a ti confessa, nada de novo te informa de quanto lhe vai na alma, pois nem o coração mais fechado pode subtrair-se ao teu olhar, nem a dureza dos homens pode afastar a tua mão: tu a tornas branda de acordo com teu querer, seja perdoando, seja punindo. Ninguém pode fugir ao teu calor.

Que minha alma te louve para te amar; que confesse as tuas misericórdias para te louvar. Toda a criação entoa sem cessar os teus louvores: os seres espirituais voltados para ti, e os demais seres animados ou inanimados, através da boca de quem contempla. Desse modo, nossa alma, apoiando-se nas criaturas e recuperando-se da própria fraqueza, junte-se a ti, admirável criador delas, pois em ti encontra renovação e força verdadeira.

Confissões
Livro VI

Adore ao Rei da criação, mesmo que o mundo tente impedir.

Pr. Artur Coelho




Voltar