1. 1

Até aqui nos ajudou o Senhor
Publicado em 2017-01-29

Então Samuel pegou uma pedra e a ergueu entre Mispá e Sem; e deu-lhe o nome de Ebenézer dizendo: “Até aqui o Senhor nos ajudou” – I Samuel 7.12.

Gosto da expressão final do verso acima: “Até aqui o Senhor nos ajudou”. Esta expressão funciona como uma espécie de marcador, ou seja, alguém saiu de algum lugar e chegou em outro; “até aqui” é um marco que nos ajuda a olhar para trás, mas ao mesmo tempo pressupõe continuidade; “até aqui” não é o fim de uma trajetória.  A expressão “até aqui” me faz gostar de outra expressão: “daqui até”. “Daqui até” descreve um ponto de partida, uma espécie de largada para o futuro, a continuação da história.

Pensar nas duas expressões me dá ânimo para esse novo ano. Se, até aqui, Deus me ajudou, certamente Ele me ajudará daqui até o fim – fim do dia, fim da semana, fim do mês, fim do semestre, fim do ano...

Como é bom crer em um Deus presente! É seguro confiarmos em um Deus que cumpre o que promete! Ele disse que estaria conosco todos os dias até o fim (Mateus 28.20), e sua presença, seu cuidado, sua ajuda independem das circunstâncias.

Você já fez o balanço do seu ano? Já considerou o que foi bom, o que foi ruim e o que pode melhorar em 2017? Um ano inteiro traz a nós coisas boas e ruins, prazeres e desprazeres, alegrias e tristezas, e assim o ano vai acontecendo.

Alguns de nós passaram por dificuldades. Uns perderam o emprego, outros ficaram doentes, outros perderam seus queridos, relacionamentos ficaram estremecidos, etc. Alguns de nós fomos promovidos, outros foram reconhecidos, alguns casaram, outros fizeram bodas, crianças nasceram, pessoas se converteram, fizemos novas amizades, reatamos relacionamentos partidos.

Mas a história continua; a ajuda do Senhor continua. A certeza que temos é que, enquanto estivermos aqui, sendo guiados por Deus, Ele nos ajudará. Por isso, em 2017 tenhamos a certeza de que Deus nos ajudará até que nossa história aqui termine. Ele esteve conosco todos os dias de 2016 e, certamente, estará conosco durante 2017!

Pr. Denis Araujo




Voltar